Varejo de material de construção registra em junho crescimento gradativo neste período de Covid-19

Estudos da Cielo, uma das maiores operadoras de crédito do país, sinalizam uma recuperação gradativa do varejo de material de construção desde o início de maio, chegando a patamares de 28,6% entre 7 a 13 de junho. Os dados mais recentes (21 a 27 de junho), divulgados no dia 29/06, indicam um crescimento de 18,4%. No período de março a junho, o varejo de material de construção acumulou uma queda de 0,7%.


A direção da Anamaco tem compreendido que esses resultados, embora positivos, ainda são tímidos diante da necessidade de se voltar a ter um fluxo de clientes que levem ao seu equilíbrio financeiro. A recuperação envolve toda uma cadeia de consumo e de renda que ainda devem se ajustados a esses novos desafios, a exemplo da concessão de crédito mais efetiva aos micros, pequenos e médios empreendedores. De todo modo, o segmento de material de construção tem apresentado situação melhor do que muitos outros varejos.


"No próximo mês, a Anamaco realizará a pesquisa batizada de Termômetro do Varejo, com 600 lojistas das cinco regiões do país, cujos resultados permitirão entender melhor a situação do nosso setor", diz Katia Ratnieks, consultora de Pesquisas de Mercado da Anamaco.


Bens Duráveis – Materiais para Construção

Faturamento Nominal – Brasil

Base 100 = Domingo (2/fevereiro)

Dias comparáveis antes do surto²

A partir de 1/mar/20


Fontes: Cielo

Anamaco: Katia Ratnieks - Consultora de Pesquisas de Mercado

359 visualizações

Receba nossas novidades e informações setoriais!

LOGO BRANCO - ALVO FULL.png
  • Curta nossa Página!
  • Siga-nos no Instagram
  • Siga-nos no Twitter!
  • Acompanhe-nos no LinkedIn!

© 1984 - 2020 Anamaco - Todos os direitos Reservados. Desenvolvido por Renove.