Soma de esforços oficializa segmento de varejo de material de construção como serviço essencial

A inclusão do segmento de varejo de material de construção como atividade essencial à população, neste período de pandemia da Covid-19 (Coronavírus), por meio do decreto federal nº de 10.329 de 28 de abril de 2020, teve a Anamaco como uma das entidades que mais atuou em prol do setor do segmento de varejo de material de construção. Por meio da Frente Parlamentar que atua no Congresso, na figura do deputado federal Capitão Augusto, em 20 de março último foi enviado um ofício à Sepec – Secretaria Especial de Produtividade, Emprego e Competitividade, que justificava os motivos pelos quais o segmento poderia contribuir durante o período de crise.

“Em parceria com o deputado federal Capitão Augusto e com a dedicação ostensiva da Danielle Alonso, diretora de Relações Institucionais da Anamaco, impulsionamos a nossa luta em prol do segmento de varejo de material de construção para que fôssemos incluídos no rol de serviços essenciais ao mercado, neste período de crise. E para a nossa grata satisfação tivemos o nosso setor reconhecido como de primeira necessidade via decreto federal. A luta prossegue sem nunca, claro, perdermos de vista o bem-estar das pessoas”, ressalta Geraldo Defalco, presidente da Anamaco.
171 visualizações

Receba nossas novidades e informações setoriais!

LOGO BRANCO - ALVO FULL.png
  • Curta nossa Página!
  • Siga-nos no Instagram
  • Siga-nos no Twitter!
  • Acompanhe-nos no LinkedIn!

© 1984 - 2020 Anamaco - Todos os direitos Reservados. Desenvolvido por Renove.